28

abr. 2016

Estrutura recebe últimos ajustes para início da Felinju

Estrutura recebe últimos ajustes para início da Felinju, em Juruaia, MG

Montagens de estandes e palco de desfile estão sendo finalizadas.
Feira de lingerie começa nesta quinta-feira e segue até próximo sábado.

Filipe MartinsDo G1 Sul de Minas

Falta pouco para começar uma das maiores feiras de moda e lingerie do país. Entre montagens de estandes, palco para desfiles, instalações elétricas, entre outros serviços técnicos e operacionais, a estrutura da Felinju 2016 está em fase final de montagem e decoração nesta quarta-feira (20), para que tudo possa sair como o esperado durante os três dias de evento.

A expectativa da organização é que todo o espaço de mais de 7 mil metros quadrados do Centro de Eventos Expo Juruaia, onde a feira será realizada, esteja preparado até às 2h desta quinta-feira (21), mesmo dia em que o evento terá início às 9h.

“Hoje é o dia mais intenso de montagens, mas está tudo dentro do previsto”, comentou Jose Antônio da Silva, Gestor da Associação Comercial e Industrial de Juruaia (ACIJU).

Para garantir a segurança dos expositores e visitantes que comparecerem a Felinju, também está programada para a tarde desta quarta-feira uma vistoria do Corpo de Bombeiros, que irá liberar o local para o evento.

A Felinju

Durante três dias, a cidade de Juruaia (MG), considerada o 3º polo de lingerie do Brasil e responsável por 15% da produção nacional, tem a expectativa de receber 30 mil visitantes durante a 19ª Feira de Moda e Lingerie de Juruaia (Felinju), que ocorre entre 21, 22 e 23 de abril no Centro de Eventos Expo Juruaia.  A expectativa, segundo a Associação Comercial e Industrial de Juruaia (Aciju), é movimentar R$ 12 milhões durante o evento.

Criada em 1998, a Felinju acontece no Centro de Eventos Expo Juruaia, em uma área de 7 mil metros quadrados. Para esta edição, já estão confirmados 70 estandes. A expectativa da Aciju é um aumento de 20% no volume de vendas em relação ao ano passado.

Com cerca de 10 mil habitantes, Juruaia possui cerca de 200 confecções de lingerie, que juntas, vendem 1,6 milhão de peças por mês, especialmente para atacadistas. O crescimento médio anual é de 20% e o faturamento mensal de R$ 20 milhões. Segundo a Aciju, são gerados cerca de 5 mil empregos no setor, que absorvem 45% da população e conta também com mão de obra das cidades vizinhas. Além disso, 92% das confecções são comandadas por mulheres.

Confira no G1: http://g1.globo.com/mg/sul-de-minas/felinju/2016/noticia/2016/04/estrutura-recebe-ultimos-retoques-para-inicio-da-felinju-em-juruaia-mg.html


Comentários.